Resenha Nacional: Sábado à noite - Babi Deweet - Leituras da Mary

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Resenha Nacional: Sábado à noite - Babi Deweet


Olá leitores, tudo bem com vocês?
Como passaram de feriado? Leram muito? Eu li pouca literatura, mas muitos artigos acadêmicos, mas não vamos falar sobre isso, porque hoje eu trago uma resenha de um dos livrinhos nacionais mais comentados do mundo literário, eu estou falando de Sábado á noite da Babi Deweet meu povo.
Recebi esse livro da editora parceira aqui do blog a Évora, e comecei a ler de imediato, pois é um dos livros nacionais mais badalados todo mundo ama e idolatra e eu queria saber se era tudo isso mesmo, então venha conferir o que eu achei.
Sábado á noite é o primeiro livro de uma série escrita pela autora Nacional Babi Deweet, é um romance Young adult ambientado aqui no Brasil o que é super legal.  Narra a história de um grupo de adolescentes mais populares da escola, as garotas eram populares por serem lindas e tops, já os garotos por serem bagunceiros e infringirem todas as normas da escola.
A história tem dois protagonistas principais Amanda e Daniel, mas também temos um panorama bem legal dos outros personagens e suas paixões, toda a história se passa nesse clima de escola de ensino médio com costumes bem brasileiros . Como eu disse antes a Amanda era uma das meninas mais populares da escola em Alta Granada a cidade do interior onde eles vivem, sempre teve amizade com meninos, mas conforme foi crescendo e entrando na fase da adolescência ela começou a seguir o grupinho das meninas e passou a se tornar metida e patricinha, seu único amigo era Bruno, que também é amigo de Daniel.
Amanda e Daniel já se conheciam desde crianças inclusive nunca foi segredo par ninguém que ele foi apaixonado por ela e que os dois tiveram até um relacionamentozinho, o problema é que depois de crescidos os dois fazem de tudo para não aparentar isso. Daniel sempre amou ela e todos os seus amigos sabem disso, o problema é que ela se tornou popular demais e inatingível.
Amanda não podia negar que Daniel ainda mexia com ela, porém uma de suas melhores amigas também estava super apaixonada por ele e ela resolveu tirar o time de campo e deixar a amiga ser feliz, dessa forma o jeito era ignorar o garoto.
Como disse anteriormente eles moravam em uma cidade interiorana, todos de classe média á alta, porém lá não havia muitos lugares para se frequentar e curtir com a galera, até que o diretor da escola onde eles estudavam resolveu promover bailes no Sábado á noite, todos ficaram eufóricos com o anuncio dos bailes e principalmente por causa de uma misteriosa banda cujos integrantes tocavam e cantavam sempre mascarados.
O mais intrigante de tudo é que as musicas que eles cantavam continham melodias que retratavam alguns acontecimentos da vida de Amanda, parecia que eles cantavam para ela e sobre ela, ela ficou muito intrigada com isso assim como a escola toda, de repente a banda misteriosa virou o principal assunto na cidade, todos intrigados para saber quem eram os mascarados.
Se você gosta de romances juvenis, musicais e poéticos tem uma grande probabilidade de gostar desse livro e entrar para o time de fãs da escritora Babi Deweet.

Minha opinião
Adoro histórias juvenis, engraçadas e românticas e esse livro tem tudo isso e com um Plus é ambientado aqui no Brasil, retratando o dia a dia dos adolescentes, eu já passei alguns anos dessa fase mas me identifique muito kkkk.
 Só existem alguns pontos que não ficaram bem esclarecidos para mim, não que eu não tenha gostado, mas simplesmente coisas que me desagradaram um pouco fazendo com que a história não fosse 100%, mas já adianto que praticamente todas as resenhas que li e assisti falam maravilhas desse livro, então não liguem tanto para minha opinião okkkkkk. 
O primeiro deles não é bem um ponto negativo, pois se trata de uma questão de gosto pessoal, eu achei a narrativa da autora um pouco seca e direta, senti falta de descrições nas cenas e trechos, isso dificultou um pouco a minha leitura impedindo que eu mergulhasse totalmente no livro.
Segundo ponto foi a mocinha, Amanda, que gente preciso dizer ela é um porre, que garota metida, não consegui gostar dela, ela fez muito drama onde não existia, dramatizou demais seu envolvimento com Daniel o que me dava nos nervos, mas já comecei a ler o livro sabendo que isso ia acontecer, em varias resenhas isso foi amplamente destacado.
O mocinho Daniel por outro lado é um fofo assim como a maioria dos personagens da história, e o restante da história me agradou bastante, como eu disse e não me canso de destacar o fato do livro ser ambientado aqui no Brasil e retratar os costumes da juventude, é capaz de despertar aquele sentimento de nostalgia do ensino médio e as aventuras vividas.
Atenção trecho com Spoiler: Genteee como ninguém desconfiou quais eram os integrantes da banda misteriosa, estava na cara, impossível terem demorado tanto para saber, eu achei isso um ponto tanto negativo quanto positivo, mas recomendo que leiam para tirar suas próprias conclusões.
Minha nota para o livro é 8,9 não foi possível dar 10 por causa dos pormenores que me desagradaram um pouco, conforme citei á cima, também avalio com 4 estrelinhas no skoob, recomendo muito a leitura desse livro para todos aqueles que gostam de histórias juvenis e digo que estou ansiosa para ler os outros livro, pois dizem que a Amanda amadurece muito ao longo dele.

Gostou da resenha? Deixe um comentário aqui abaixo vou adorar saber a opinião de vocês, bjs.

14 comentários:

  1. Oi Mary, como vai? Gosto muito de livros de adolescentes ambientados no Brasil. Thalita Rebouças e Paula Pimenta sempre me deixam suspiros com suas obras e eu adorei a premissa desse livro por parecer muito com os dela. Também não gosto de livros com pouca abordagem na cena, sem especificar o ambiente etc. Acho seco e simples demais e me incomoda pra caramba, então compartilhamos da mesma opinião.
    Até mais, beijos!
    http://oreinoencantadodeumaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Taí uma série que desejo ler muito breve. Clar, que ainda falta comprar! rsrs
    Assim como você, também gosto de livros juvenis, azaração e muita bagunça. (Acho que não cresci)
    Adorei a resenha.
    Bjocas
    Ni
    Cia do leitor

    ResponderExcluir
  3. Oi Mary,
    adorei a resenha e a capa do livro é bem chamativa. Não leria por ele ser voltado para o público adolescente e, no momento, não estou na vibe de ler estes livros.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel
    relicariodepapel.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Mary ultimamente estou lendo muito YA, e este parece bem bacana. Quanto a escrita da autora, eu desanimei, por que embora não goste de livros com muitas descrições, se for direta demais não conseguimos nos envolver... E sua opinião contou muito! Ótima resenha! Beijos

    ResponderExcluir
  6. Gente, eu lia isso quando era uma fanfic. faz tanto tempo. Eu sempre achei esse enredo divertido, me lembra muito o meu período adolescente.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu vejo muito esse livro nas livrarias, mas não tenho muita vontade de lê-lo. Por ser uma coisa mais adolescente acho que ainda não to naquela vibe para ler.
    bjs, bjs

    ResponderExcluir
  8. Sim, teve coisas das quais entortei os olhos, atitudes e “mimimis” típicos “adolês”, mas nada que desagrade totalmente. Para surto geral, eu não odeio a Amanda!!! Achei que ela agiu de forma exagerada muitas vezes, chorando ou evitando certas coisas ou atitudes. Porém isso faz parte da adolescência e, melhor do que isso, a Amanda assumiu no livro o quanto ela foi idiota muitas e muitas vezes. Pode não parecer, mas isso, pra mim, é fundamental num livro. ^^
    Eu gostei muito e o segundo , pra mim, evoluiu bastante o enredo.
    Angel Sakura
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  9. pela capa eu jurava que era algum mangá, nunca saberia se tratar de um YA... e eu não curto o gênero, então vou deixar passar a dica... sem contar que pela descrição da personagem Amanda, eu iria odia-la tbm.. xD

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Não conhecia o livro, mas ele tem uma premissa legal, bem bacana.
    Só não o leria no momento por conta das leituras atrasadas.
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oi ^^

    Já li algumas opiniões sobre este livro, mas não acho que ele se encaixe no meu perfil de leitura. Talvez o reserve para um momento em que busque algo sem grandes expectativas, apenas para distração mesmo.

    ResponderExcluir
  12. Nunca tinha visto esse livro Sábado à noite. É um livro juvenil engraçado, particularmente, achei o enredo divertido, apesar de não ser meu estilo, fiquei curiosa, principalmente pelo título. A capa também é bem bacana.

    ResponderExcluir
  13. Conheço o livro e a autora e apesar de ter um assunto que eu amo - a música - nunca me interessei pela leitura :/ não sei te explicar o porque, mas nem a sinopse drle me atrai. Vai entender kkkkk www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  14. Oie, tudo bem? Morro de curiosidade pra conhecer a escrita da Babi, mas não consegui me interessar por esses livros ainda. Acho que muito por causa da capa kkk e da sinopse tbm que não me atrai.

    ResponderExcluir

@marycspblog