Resenha: Tudo e todas as coisas- Nicola Yoon - Leituras da Mary

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Resenha: Tudo e todas as coisas- Nicola Yoon


                               **Livro cedido pela Editora**
A resenha de hoje é um Young adult fofinho, com uma diagramação perfeita e cheia de ilustrações, daqueles para sentar e devorar em um único dia. Então venha conferir mais detalhes na resenha!!!
                                        Resenha
Tudo e todas as coisas foi escrito pela Nicola Yoon e publicado aqui no brasil pela editora Novo Conceito, minhas pesquisas revelaram que esse livro fez o maior sucesso lá fora e parece que também esta fazendo a cabeça do pessoal aqui no Brasil.
Nesse livro vamos conhecer a Madeline uma garota de 18 anos que é basicamente alérgica ao mundo, como assim? Logo nos primeiros anos de idade ela desenvolveu uma doença muito rara, conhecida popularmente como “Síndrome da criança na bolha”, ela não pode estar em contato com nada do mundo exterior (plantas, animais e até mesmo o ar) qualquer tipo de coisa pode desencadear uma alergia  dessa forma o contato com o mundo exterior se torna impossível.
Por isso as únicas pessoas com as quais ela pode conversar é a mãe, a enfermeira que também é a sua melhor amiga e eventualmente seu professor de arquitetura. Sua mãe é medica o que torna as coisas mais fáceis com o seu tratamento, a casa foi equipada de forma que não permitisse nenhum contato com qualquer agente externo, as poucas pessoas autorizadas a entrar eram submetidas a um aparelho de descontaminação do ar.
Madeline passava todos os seus dias estudando com professores online, conhecendo o mundo através da tela do seu computador, ou fazendo programas com a mãe, assistindo filmes, participando de jogos entre mãe e filha e etc. Porém certo dia ela percebe uma movimentação na casa ao lado e descobre que teriam vizinhos novos, pela janela ela descobriu que um deles era um garoto de mais ou menos sua idade.
O interesse entre ela e o vizinho da casa ao lado é mutuo, logo ela descobre que o nome dele é Olly, ela também percebe através de sua janela, o único pedaço do mundo externo que ela conhecia, que Olly tem problemas com o pai, os dois acabam trocando e-mais e passando a conversar todos os dias.
Maddy (como Olly a chamava) nunca havia sentido falta de conhecer o mundo, pois ali dentro do seu mundinho ela tinha tudo o que precisava, ou pelo menos ela achava que tinha, até conhecer o Olly,  que mostrou que existia muito mais a ser explorado e despertou nela a curiosidade do conhecimento, a fez questionar todos os mistérios que envolvem sua existência.
Tudo e Todas as coisas é um livro cativante e apaixonante, é impossível não gostar dos personagens, além de ser muito interessante ver o mundo sob o ponto de vista da Maddy, que esta aprendendo a descobrir o mundo tardiamente aos 18 anos, fazendo com que as coisas simples da vida adquiram um novo significado.
Minha Opinião
Primeiramente devo ressaltar que não é só a capa desse livro é linda como também todo o trabalho de diagramação, o livro todo é repleto de figuras, gráficos, listas da Maddy, e-mails fofos e muito mais.
É um daqueles livrinhos que transbordam fofura, acredito que seja por causa de todas aquelas emoções do primeiro amor e tudo o mais. Confesso que de inicio a história não me prendeu tanto, mas quando tudo começa a ser explicado, os fatos começa a se encaixar e devorei o livro em um piscar de olhos.
É o tipo de obra que recomendo para aqueles que acabaram de sair de uma leitura pesada e estão em busca de algo mais leve para espairecer, pois apesar do livro ter sua carga de drama o que prevalece são as emoções da descoberta. Então fica a dica de uma leitura muito leve, romântica e fofa.
Avaliação: Oito e meio no meu conceito e 4 estrelinhas no skoob.

Pessoal espero que tenham gostado da resenha, deixe nos comentários se já leu o livro e o que achou ou se pretende ler em breve. Grande Beijo e até a próxima.

48 comentários:

  1. Olá Mary
    adorei a sua resenha e desde o lançamento desse livro, tenho curiosidade em lê-lo. Parece ser uma ótima história e foi ótimo poder ler seus comentários a respeito. Espero poder ler em breve também.
    beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Sempre amei essa capa mas nunca pesquisei sobre o que ele falava, que doçura e delicadeza em tratar de um assunto tao serio! Fiquei encantada e com certeza esse livro faz jus ao sucesso que tem feito aqui no Brasil, adorei a resenha! PS: AMEI A FOTO CHEIA DE POST IT

    ResponderExcluir
  3. Oi, Mary!
    Nossa, agora a claustrofobia bateu aqui! kkkkkkk
    Esse livro tem uma temática bem diferente e interessante! Fiquei curiosa para saber como explicam essa doença da protagonista e como a menina convive com isso!
    Obrigada pela dica! =)
    http://olhoscastanhostambemtemoseufascinio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi! Tudo bem? Eu não sei se você sabe mas essa doença que a protagonista tem apesar de rara existe de verdade e acho que saber disso me dará certa agonia na leitura ao imaginar pessoas reais vivendo com isso. Esse é um livro que está na minha listinha de leituras e ao ler sua resenha fiquei ainda mais empolgada para ler. E acho essa capa linda também como você citou.
    Bj

    ResponderExcluir
  5. Esse livro me chama mais atenção pela capa do que pela história. Sei que não ter nada a ver, mas eu lembro do Michael Jackson e o fato de ele ter vivido boa parte da vida sem se expor, evitando germes. É uma vida bem triste, por sinal.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o livro mesmo ele sendo tão famoso.
    Ele me lembrou do filme Jimmy Bolha, o enredo é bem parecido mas acho que o filme é mais bobão. A capa do livro é mesmo muito linda.
    Beijos,
    sigolendo.com.br

    ResponderExcluir
  7. Pela capa do livro, eu deixaria a dica passar fácil, mas sua resenha me deixou mega curiosa em relação a varias coisas. Primeiro em função da doença da protagonista e como é esta logística no dia a dia e claro, o romancinho que o livro traz. Espero poder conferir o mais rápido possível.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Realmente está fazendo o maior sucesso esse livro aqui no Brasil, e eu acho a capa dele linda, e a história também, ainda não tive a chance de ler, mas espero logo poder. Adorei a resenha.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Me interessei pelo modo como a protagonista convive com a doença. Sempre achei a capa linda mas ficava assustada porque não sabia se a história era reflexiva ou era só mais uma daquelas. Bela resenha e a foto do post it está maravilhosa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá,

    Essa foi uma das melhores leituras que fiz neste ano. Adorei a forma como a autora criou um enredo consistente e que prende o leitor o tempo todo. O desfecho também foi satisfatório e no final fiquei com um grande sorriso no rosto.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  11. Atualmente poucos livros tem surpreendido, e eu posso dizer que este foi o livro que me surpreendeu.
    Leituras compulsivas como nós (risos) costuma "pescar" o que vai acontecer na história, qual o grande "segredo" do livro, qual deve ser a grande trama rapidamente, por isso gosto muito quando um livro consegue me surpreender. Sei dar o mérito a autora, e este foi um livro que eu posso dizer que me surpreendeu!!!
    Quando você acha que acabou…

    ResponderExcluir
  12. Olá Mary,
    Já li esse livro e curti muito a leitura, ao contrário de você, não senti dificuldades de envolvimento no começo. Eu me envolvi muito com a leitura e curti o que encontrei, mas não gostei do final, achei um pouco mal explicado, apesar de a história ser boa. Gostaria muito de ler uma continuação do livro ou um livro sobre a mãe dela.
    Curti muito sua resenha.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  13. Eu acho esse livro super fofo também, e mesmo adivinhando muitas coisas que iriam acontecer na história, fiquei bem contente com essa leitura, porque achei super fofa e emocionante, e não conseguia me imaginar na situação da protagonista de ser provada de tudo por 18 anos.
    Já quero mais livros da autora

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu li esse livro há pouco tempo atrás e simplesmente morri de amores!
    Maddy e Olly são a coisa mais fofa! Fiquei boquiaberta com a reviravolta (e com muita raiva kkk). Os personagens são muito cativantes e a história me prendeu do início ao fim.
    Fora essa edição que ficou linda demais, né? Novo Conceito caprichou!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Olá,
    eu ainda não conhecia, achei a proposta interessante. Principalmente em saber que algo que poderia ser repleto de drama, acaba sendo na verdade leve. Isso me deixou bem interessada.
    Beijos
    www.estilogisele.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Esse livro nunca chamou a minha atenção, mas até então eu sequer sabia a sinopse e, a conhecendo agora fiquei com bastante vontade de o ler, principalmente pra saber mais sobre a protagonista que me deixou bem curiosa, por conta da doença que ela possui.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Oie, tudo bom?
    Eu li esse livro já faz alguns meses e eu adorei kkkk é bem bacana, me surpreendeu muito e foi melhor do que eu esperava.

    ResponderExcluir
  18. Olá amore...
    Ai já vi a capa desse livros diversas vezes e confesso que estou mega curiosa pra ler, ainda mais agora que li a primeira resenha a respeito dele... já quero.
    Parabéns pela resenha e pelas fotos... TOP
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oie
    muito legal sua resenha, eu sou bem louca para ler esse livro, amo esses gêneros e tenho ouvido inumeros elogios sobre a leitura

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Já li esse livro e amei muito, é mesmo bem cativante e apaixonante. Adorei a Maddy logo de cara, em um mundo em que ninguém nunca está satisfeito me encantou ela ser feliz com o pouco que podia ter. Só quase morri de raiva de uma certa pessoa, mas fora isso a leitura foi excelente para mim.

    ResponderExcluir
  21. Oi Mary,
    Já tinha visto outras resenhas sobre este livro e ele me pareceu muito interessante, mas ainda não tive a oportunidade de lê-lo. Espero conseguir em breve.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel
    www.relicariodepapel.wordpress.com

    ResponderExcluir
  22. Olá,

    Li esse livro a um tempo atrás e gostei bastante da história. O romance é fofo, a reviravolta é maravilhosa e o final muito satisfatório. Lendo sua resenha deu vontade de ler tudo de novo.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  23. Esse livro me proporcionou muita alegria, a alegria de me encantar com uma escritora excelente e de sentir uma empatia enorme pela Maddy. Nossa, foram tantas sensações no decorrer da leitura. Meu super favorito! E vai ter filme né? Parabéns pela resenha! Beijão

    ResponderExcluir
  24. Gente, esse é um dos sick-it mais lindos que eu já li em todo mundo. Estou completamente apaixonada pelos personagens e pelo enredo.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oiee ^^
    Esse livro é uma coisinha linda, né? Eu não sabia bem o que esperar dele quando o li, mas me apaixonei pela história. Ri, quase chorei e me irritei (com uma personagem que eu acho que você deve saber quem é) e me derreti toda pelo final...haha' Adorei fazer a leitura, quero mais livros da autora!
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  26. Olá, tudo bem?
    Acho a capa desse livro uma lindeza, e a premissa muito interessante. Tenho vontade de fazer a leitura da obra, mas ainda não surgiu uma oportunidade. Sua resenha só aumentou minhas expectativas na trama.

    Beijos,
    Dai | Blog Virando a Página

    ResponderExcluir
  27. Olá Mary, o enredo parece ser uma fofura e mesmo com potencial de ser mega dramático pela sua resenha ele parece que ficou bem leve *-* Vou anotara dica e se tiver chance vou lê-lo.

    http://meumundo-meuestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Oiiii!
    Já tinha lido sobre esse livro antes. Achei bem legal o tema, nunca tinha visto nada parecido antes, mas a ideia da autora foi muito boa.
    Imagine, ser privada da vida por ter alergia a tudo. Fiquei curiosa para ler.
    Beijos

    ResponderExcluir
  29. Sempre vejo esse livro e me simpatizo com a capa e título, mas agora, depois de sua ótima resenha me interessei mais e penso em breve adquiri-lo.
    Abraço;

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  30. Quando vi esse livro pela primeira vez, fiquei maluca pra lê-lo, mas confesso que foi visual minha paixão. Fiquei encantada pela capa e o marcador então, é de morrer de lindeza. Mas quando li o plot, achei a história interessante também, e adorei saber que é uma leitura leve. É sempre bom ter um livro desses por perto, pra ajudar nos momentos de ressaca.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  31. Oi Mari! Tudo bem?
    Este livro está na minha lista, mas não consegui ler ainda. Também achei a capa super linda e criativa. Sua resenha ficou incrível e só me fez ter a certeza que estou perdendo a oportunidade de ler um livro maravilhoso. Será o próximo, mas só no mês de setembro!
    Bj

    ResponderExcluir
  32. Olá!

    Nossa, ótima escolha de livro para resenha. Esta obra é incrível. Fiquei totalmente encantada por tudo nesse livro. Tudo e Todas as Coisas é muito sobre encontrar motivos para seguir em frente, pequenos pontos de luz na vida, independente de ela estar afundada na escuridão. Madeline é um exemplo de superação, de conquista e de coragem. Recomendo demais.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  33. Olá ♥
    Há alguns dias estava vendo essa capa circulando nas redes sociais, mas nunca parei para olhar do que o livro se tratava por mais que a capa me chamou muita atenção.A leitura parece ser leve e fluida, pelos comentarios que li acima muita gente que leu amou e indica espero fazer a leitura em breve por que tanto a premissa quanto a capa são maravilhosos

    ResponderExcluir
  34. Oi!
    Eu quero ler esse livro desde o lançamento, mas ainda não surgiu uma oportunidade. A história parece ser mesmo muito fofa, sem contar que nao tenho nem ideia de como a autora a desenvolveu. A diagramação é linda mesmo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  35. Oi!

    Tenho visto muuuuuuuuuuitas resenhas sobre esse livro. To curiosa para ler, porque me falaram que é um YA fofissimo, e você também reforçou isso. Eu tenho um problema com abordagens com doenças e tudo mais, mas espero gostar da história. Falaram que o final é que deixou a desejar, então veremos o que acharei. Haha.


    beijos!

    ResponderExcluir
  36. Oi, tudo bem?
    Eu li algumas resenhas sobre o livro e fiquei beeem curiosa, logo ele ja está na minha listinha de leituras kkkk Bom, imagino que deve ser bem bacana acompanhar a história de Madeline e as descobertas que ela vai fazer. E é bom ver que é uma leitura leve, apesar do drama.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  37. Achei a capa dele muito legal, bem diferente dos modelos que estamos acostumados a ver o tempo todo. Gostei também da premissa, de ser uma jovem com uma síndrome rara, e do contexto atual, troca de e-mails, professores on-line etc. Realmente parece ser uma leitura leve. A autora tem o mesmo nome do meu pai! rsrs... Abçs!

    ResponderExcluir
  38. OLá,esse livro ja está na minha lista de leituras e eu estoi muito ansiosa para lê-lo e ver como vai funcionar a vida da maddy e como ela vai se resolver depois que o olly aparecer

    ResponderExcluir
  39. Já li diversas resenhas positivas sobre esse livro, mas ainda não tive oportunidade de conferir por mim mesma. O livro já está na minha lista, mas a leitura ainda não rolou. Eu acho essa capa uma fofura, e a história parece muito boa. Tenho um pouco de medo de que a leitura fique um pouco pesada por conta da doença da menina, até pensei e desistir de ler, mas a curiosidade está maior, acho que vou encarar.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  40. Quero muito ler esse livro, e sua resenha cativante deixa a gente animado, a capa é linda e a história bem diferente. Bjs

    ResponderExcluir
  41. Hi baby, ainda não li esse livro mas adorei a premissa, gosto de histórias desse tipo, são bastante inspiradoras, não sei se o desfecho dessa será o mesmo que as de outras com a mesma temática mas de todo jeito parece ser uma grande lição de vida! a capa é muito fofa, já quero ler!

    Lilian Valentim
    http://speakcinema.blogspot.com.br/
    beijinhos

    ResponderExcluir
  42. Olá, esse livro parece ser ótimo, só vejo coisas boas a respeito. Quero conferir também!

    ABRAÇOS

    ResponderExcluir
  43. Ai, gente...
    A cada vez que eu vejo uma resenha desse livro eu fico doida pra comprá-lo, mas daí lembro-me de que não tenho dinheiro, daí eu vou pro cantinho chorar em posição fetal.
    Eu adoooooro esse tipo de livro. Leve, livre e solto. Super fofo. E com essa capa? Quem resiste?
    Fico feliz em saber que você gostou, mas um pró a favor desse livro.

    Beijinhos da Mady.

    ResponderExcluir
  44. Oi, tudo bem?
    Eu morro de vontade de ler esse livro, ainda mais por se tratar de um romance lindo e intenso que traz uma proposta muito boa. Fico feliz em ver que você recomenda e que de certo modo é uma leitura leve, vou ver se terei alguma oportunidade de ler ele. Ótima resenha!

    beijos

    ResponderExcluir
  45. Esse livro é a minha meta do ano, mas, não consigo achar ele por menos de 15 reais, teve uma promoção na americanas, mas, esqueci de pagar o boleto e no outro dia já tava 27 novamente, me recuso!
    Mas, então ♥ Amei sua resenha, já li umas 10 desse livro hahaha e a sua tá linda.

    Beeeeeeeeeeijos Tay ♥

    ResponderExcluir
  46. Oieeee
    Tudo bom?
    Eu só vejo resenhas elogias a esse livro, mas sempre fico com pena da Mady por causa da sua doença e até hoje não consegui comprar e ler o livro para saber como Oly ira mudar sua concepção de mundo.
    Ótima resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  47. Oie
    Que resenha linda!!
    Sinceramente, eu amei o que disse do livro e tenho uma vontade absurda de le-lo!!!
    Pretendo fazer isso assim que tiver chance

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  48. Oiee eu gostei da leitura, mas achei que a autora deveria ter explorado mais o outro lado da obra que não focava no romance, pois ele era mais importante de certa forma

    ResponderExcluir

@marycspblog