terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Resenha Nacional: Me Ajude a Chorar - Carpinejar


Em  uma obra melancólica e ao mesmo tempo doce, Fabrício Carpinejar sai do óbvio e explora o amor e a dor de forma única e inigualável.
Me Ajude a Chorar, um livro de crônicas publicado pela Editora Bertrand Brasil, escrito pelo espetacular Fabrício Carpinejar, traz dor, amor, sofrimento e muita, mas muita emoção.
Dentre os vários textos sem um tema central, Fabrício une seu talento único para escrita à sua ironia singular. Com uma fórmula dessas, impossível não dar certo!

“Beijar os olhos é ter medo de perder quem a gente quer, é ter medo da viuvez, da solidão, do abandono, de nunca mais ser feliz. Ninguém beija os olhos à toa, por distração. Beijar os olhos é uma demonstração de apego, de urgência, o equivalente a uma serenata na janela.”


Minha opinião sobre o livro

Sou apaixonada pelo Fabrício Carpinejar! Desde o dia em que eu assisti a uma entrevista dele no Programa do Jô, há séculos! rs Na época eu não era uma grande leitora. Ele havia, há pouco, lançado Canalha!, uma de suas grandes perfeições, e eu precisava daquele livro, precisava das obras daquele grande autor.
Em Me Ajude a Chorar, a emoção começa logo pela capa, que foi incrivelmente bem elaborada e transparece toda perfeição que encontraremos também no interior deste livro.

"Não desisto de minha alegria porque alguém não entendeu antes. Não desisto de minha ingenuidade porque alguém não me cuidou antes. Não desisto de minha coragem porque alguém se acovardou antes. Não desisto de mim porque já sofri antes. Amar é continuar sendo até acertar a companhia."

Achei de uma sagacidade fora do comum a forma como o Fabrício conseguiu desenvolver cada tema, cada história. Textos que falam da infância, da adolescência e tudo de uma maneira tão tocante que é inevitável que as lágrimas surjam nos olhos do leitor no decorrer das belas letras desse gênio.
É um livro pequeno, os textos também são pequenos e de fácil entendimento. Tranquilamente se lê em um dia, o que eu não recomendo, porque uma obra linda dessas merece ser apreciada com calma e serenidade, para que se possa extrair o máximo da emoção presente em cada um dos textos.

“Não há perda que seja total. Alguém pode me machucar terrivelmente, mas não me leva. Posso permanecer sequelado, mas sei cavar a terra por dentro da terra. Penso nos filhos, penso nos amigos, penso na literatura e sigo adiante. Cambalear ainda é caminhar. A chuva lava minha ferida e o vento seca.”

Enfim, é um livro de cabeceira, daqueles que a gente sempre volta para reler alguns trechos. É perfeição. É emoção pura. Leiam, por favor!

Enfim, é um livro de cabeceira, daqueles que a gente sempre volta para reler alguns trechos. É perfeição. É emoção pura. Leiam, por favor!


Cinco motivos par a ler Me Ajude a Chorar

1 – Literatura nacional da mais alta qualidade.
2 – Emoção desde a primeira à última linha.
3 – Textos mais que reais.
4 – Ironia única desse gênio chamado Carpinejar.
5 – Leitura fácil e muito agradável.
Não se esqueça de deixar um comentário dizendo o que achou dessa postagem, muitos abraços e beijos e até a próxima.

2 comentários:

  1. Amei a sua resenha <3 NECESSITO desse livro <3 Os quotes são maravilhosos <3

    Beijos*
    https://umminutoumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir