TAG dos Clichês - Leituras da Mary

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

TAG dos Clichês



     Olá queridos, quem ai não gosta de um bom romance previsível? Mas vamos combinar que tem alguns clichês que muitas vezes nos irritam a ponto de nos tirar do sério, por isso a Angélica do canal Vamos ler reuniu os clichês mais frequentes nos livro e fez essa tag maravilhosa.
    Tag essa que vim responder para vocês, tem algumas situações que eu super concordo com a Angélica e outras que não me incomodam, ao contrário eu amo encontrar no livro. Espero que goste!
TAG dos Clichês

1. Quem eu escolho? (triângulo amoroso que você achou mais desnecessário): Em Laços de sangue da série academia de vampiros da Richelle Mead acontece uma espécie de triangulo amoroso entre a protagonista Rose, o Dampiro Dimitri e o Moroi Adrian, mas para todos que estão lendo é obvio que ela ama o Dimitri com todas as forças do seu ser, que ela esta usando o Adriam para esquecê-lo. No entanto acabei pegando um spoiler que me deixou confusa e mais louca ainda para terminar essa série.
2. “Soltou o ar que não sabia que estava prendendo” (Última vez que leu a frase): Não me recordo de ter lido essa frase em algum livro por isso não tenho nenhum livro para indicar.
3. Oi, já te amo! (o instalove mais rápido): Odeio quando isso acontece, prefiro quando as personagens vão se conhecendo aos poucos e o romance surgindo naturalmente. Um exemplo de livro assim é A seleção da Kiera Cass, a América era super apaixonada pelo Aspen porém bastou botar os olhos no Maxon  para esquecer essa paixão, esse foi um dos pontos que me levou a odiar a personagem, pois achei que ela devia demorar mais para se apaixonar pelo príncipe. 
4. Uma bigorna nos ombros (personagem que carrega a culpa do mundo): Harry Potter é um exemplo de personagem que carrega os problemas do mundo nas costas, tudo é culpa dele, por ele e para ele, mas mesmo assim eu não deixo de ama-lo.
5. Complexo do melhor amigo (aquele que sempre se apaixona por ou é a paixão do personagem principal): A aposta Rachel Van Dicken é um livro com exemplo de complexo do melhor amigo, pois a protagonista acaba se apaixonando pelos dois irmãos que são amigos de infância dela, mas logo de incio a gente já sabe com quem ela vai ficar.
6. O intelectual (personagem super inteligente que lhe fez sentir estúpido): Com certeza a Hermione Granger de Harry Potter e nem preciso falar mais nada kkk.
7. Casal silêncio (falta de comunicação entre personagens): A comunicação entre Lizzie e Darcy de Orgulho e preconceito é uma beleza, só que não, aliás essa falta de comunicação gera muitos conflitos e desentendimentos.
8. O poderoso chefão (personagens jovens com cargos altos demais): Ian Clarke de Perdida, gente confesso que enquanto leio não consigo imaginar o Iam como sendo um rapazinho de  20 anos, ele tem responsabilidades demais, é cavalheiro demais e fica um pouco estranho ele ter tantas responsabilidades com a pouca idade que tem, mas eu adoro ele.
9. O engraçadinho chato (personagens escritos com a intenção de serem legais, mas só irritam)- Mais uma vez Perdida da Carina Rissi, nesse primeiro livro da série a Sophia tem a intenção de ser engraçada para mim, mas não colou, achei o humor dele muito forçado, porém isso ocorre só no primeiro livro, pois no segundo eu amei a personagem e ache ela realmente engraçada.
10. Personagem principal coadjuvante (quando o livro é todo sobre o interesse romântico): Geralmente gosto de livros assim então não é algo que me incomoda por isso não indicarei nenhum livro.
11. Leitor do contra (clichê que você ama e não se cansa de ler): Romances de época e Chick lits com certeza, são muito clichês e previsíveis, mas eu amooo demais, aliás sou viciada.
    Gostaram da Tag? quem quiser responder sintam-se á vontade, não se esqueça de deixar nos comentários o que achou.

2 comentários:

  1. Acho essa Tag tão legal, Mary!
    Com certeza, o clichê mais amado são os Romances de Época! Meus amores eternos ♥♥♥
    Abraço!!

    http://bloghistoriasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. hahaha adorei a tag. Eu fico muito irritada com a falta de comunicação entre os personagens XD mas é o que move a trama na maioria das vezes, porque se eles resolverem logo de cara a história acaba. Mas Lizzy e Darcy realmente se superam nesse quesito.
    Como não amar os romances de época e chick lits não é mesmo. Que publiquem mais e mais desses gêneros!hahah

    Abraços lindona!
    http://cronicasdeeloise.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

@marycspblog