Resenha: Conquistada por um visconde - Stephanie Laurens

09:31


O livro conta a história de Heather, uma jovem de 25 anos que está a procura de seu homem ideal - mas não qualquer homem: ela quer um herói. Baseando-se em seu conceito de pretendente perfeito e apto a dominar as rédeas de seu coração, ela decide que não há lugar melhor do que um sarau ( uma festa noturna, onde as pessoas dançam e bebem) para começar sua procura. 
Entretanto, por este tipo de festa não fazer parte do circulo social do qual está habituada, Heather se vê obrigada a fingir um mal-estar para despistar seus pais e comparecer a festa sozinha - ou melhor dizendo,fugir. Afinal, o que poderia dar errado em uma simples festa?
Se você disse tudo, dois pontos para a grifinória!
Acontece que, logo ao chegar a tão aguardada festa, Heather dá de cara com ninguém mais e ninguém menos que Breckenridge, seu arqui-inimigo incrivelmente irresistível irritante e enervante, o único capaz de leva-la ao limite. Assim que a vê, ele a escolta até a saída e a obriga a entrar em sua carruagem e voltar para a casa. Entretanto, antes que ela consiga alcançar o local onde estacionou, ela é jogada dentro de outra carruagem e sequestrada. 
Por quem? Este é um mistério que cabe a você, leitor, tentar descobrir.
Vendo tudo acontecer sob seus olhos, Breckenridge reage e começa a seguir os bandidos, mas acaba perdendo-os de vista e tendo que usar seu lado Sherlock's Hommes para encontra-la e traze-la de volta em segurança. Exatamente como um herói que se preze faria.
Um livro cheio de mistérios, reviravolta e aquele romance clichê que todo mundo ama. Se você gosta de mocinhas sem papas na língua, e protagonistas turrões e bons amantes, então este é o livro certo para você.


Minha opinião: 


A trama criada pela autora é simplesmente incrível! O modo como ela criou os personagens e fez com que cada um tivesse uma participação notável e vinculada com os acontecimentos cruciais da história foi sensacional. 
Devo dizer que a história me impressionou muito, e supriu expectativas que nem eu mesma sabia que tinha! 
Uma das características que mais gostei na obra foi o fato da autora não revelar a verdadeira identidade do raptor, e tão pouco o verdadeiro motivo de tê-la sequestrado. Apesar de saber que isso poderia frustar alguns leitores, para mim este foi um ponto crucial que me fez ansiar ainda mais pelo segundo volume da série.
Breckenridge é o tipo de personagem que te faz querer beija-lo e empurra-lo de uma ponte ao mesmo tempo. Ele é incrivelmente amável em um momento, mas tão turrão em outros que é quase impossível não se perguntar de onde Stepanhie tirou a ideia de cria-lo. 
Heather é o tipo de protagonista que deveria ser tida como um exemplo a ser seguido. Apesar da época em que se passa a história e de seu contexto social, ela não se deixa abalar e faz de tudo a seu modo, mesmo que isso signifique por em risco sua reputação como dama da sociedade.

Algo que me incomodou durante a leitura foi o modo como a autora, em algumas cenas - mais especificamente as cenas intimas - acabou incluindo pensamentos demais acerca de outros acontecimentos e que, de certa forma, se tornou cansativo. Um exemplo que posso citar são as cenas finais quando Heather e Breckenridge se beijam e a autora acaba usando mais de uma página apenas para descrever o momento - o que, em minha opinião, é um exagero.
De forma geral, foi uma leitura proveitosa. Lenta, confesso, mas incrivelmente divertida e cheia de surpresas. Esse é o tipo de livro que eu indicaria para se ler nas férias, em um lugar calmo o suficiente para se prestar atenção aos mínimos detalhes que, acredite ou não, fazem toda a diferença na história.

5 Motivos para ler:

1° É um romance leve, divertido e cheio de reviravoltas.
2° O suspense em volta do captor de Heather é algo que vale a pena vivenciar.
3° A escrita da autora é detalhada, e faz com que o leitor se sinta dentro da história.
4° O livro é o primeiro de uma série, o que nos dá ainda mais vontade de ler. Afinal, quando você acabar a leitura do primeiro livro, poderá ter um vislumbre dos protagonistas no segundo volume.
5° O livro tem um final singular, e que nos enche de curiosidade para ler o volume seguinte.

VOCÊ PODERÁ GOSTAR DE:

17 comentários

  1. Estou agora em uma vibe de tentar ler romances de época e por enquanto estou gostado do que estou lendo e me interessei bastante por esse, irei guardar o nome. Mas deixa eu ver se entendi... não se descobre o tal raptor no livro? Tem que ler outro volume, não me aguento com isso! E sobre as vezes ser descritivos demais eu concordo que às vezes estraga uma cena que poderia ser perfeita.

    Memórias de uma Leitora
    memoriasdeumaleitora.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem??

    Será que é vc que vai me fazer abrir mão do meu maior preconceito literário? Não suporto romances de época. Não sei porque, mas não consigo ler. Acontece que depois da sua resenha e todos os mistérios que descreveu (além da fantástica lista no final da resenha) estou aqui me coçando para conhecer melhor o livro.

    bjss

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Gostei muito da sua resenha, mas romances de época não fazem o meu estilo, mas anotei a dica, vai que um dia eu de uma chance né?!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Olá tudo bem,

    Que legal esse livro, mas não tenho costume de ler romances de época estou numa fase que não aguento mais series. Ansiando por livros únicos.
    Sua resenha me despertou uma curiosidade apesar de não curtir o tema, e quem sabe futuramente.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  5. Não sou fã de romances de época, gosto de coisas mais atuais, apesar de que já ouvi críticas super positivas sobre esses livros!

    bjos

    ResponderExcluir
  6. Oiii!

    EU AMO romance de época, mas que pena que esse é um pouco cansativo, odeio quando começam a enfeitar as coisas demais! Pra que né?? hahahaha Gostei da resenha e da sinceridade!

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  7. Olá!Parece ser uma história divertida. E fiquei curiosa sobre o sequestro. Mesmo sabendo que a leitura pode ficar cansativa, fiquei interessada em ler. beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oiii Mary, tudo bem?
    Que capa mais linda desse livrinho, eu que não sou muito chegada em romances época, gostaria de ler e conhecer melhor os personagens, fico feliz que tenha gostado de ler e fiquei curiosa com alguns pontos que deixoou em aberto.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  9. Olá
    Confesso que não sou chegada em romances de época e ando fingindo de séries, pelo menos até terminar as comecei. De qualquer forma achei bem bacana esse mistério quanto ao sequestrador.

    ResponderExcluir
  10. Sei que muitas pessoas gostam de histórias detalhadas, mas eu infelizmente perco a vontade quando a enrolação é demais e pelo que você citou, esse é o tipo de livro. Mas apesar desse detalhe, gostei muito da sua resenha e mesmo que não curta muito esse gênero, fiquei curiosa em relação a quem a sequestrou.

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    O gênero não é meu favorito, então dificilmente darei essa leitura. Mas essa capa da HC tá bem bonita, a editora chegou com tudo no país!

    ResponderExcluir
  12. Menina do céu, eu sou a louca dos romances de época, não me aguento com tanta indicação boa! Esse livro eu já ouvi falar muito por ai e eu fiquei muito interessada, socorro, tem tudo que eu mais amo! Amei a resenha!

    MEMÓRIAS DE UMA LEITORA

    ResponderExcluir
  13. oie
    Adorei a resenha.
    sou super fã de romances de época e esse ainda não li.
    dica anotada
    bjs

    ResponderExcluir
  14. Heiii, tudo bem?
    Amo romances de epoca e estou loka pra conhecer essa série nova.
    As capas sao lindas demais, já comprei os dois volumes, so esperando chegar.
    Não conhecia nada ainda da autora e fiquei bem curiosa.
    Eu tb fico meio cansada de cenas mto descritivas, mas vou dar um crédito por ser romance e amo demais.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  15. Oi linda,

    Eu ando namorando esse livro e o segundo da série, porque em encantei pelas capas, títulos e enredos que fui lendo em diversas resenhas e depois de ler suas impressões minha vontade de conhecer esses dois só aumentou. Esperar o TCC passar e adquirir os livros para uma leitura gostosa e divertida.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bem? Também já li o livro e amei o mistério do raptor <3 Acho que foi um plus na história que deixou ela bem mais interessante. Eu gostei de Conquistada Por Um Visconde, mas confesso que por enquanto meu favorito é Salva Por Um Cavalheiro. Sim também achei um pouco cansativa em alguns momentos a escrita da autora, mas percebi que é só nesse primeiro livro. Depois melhora e muito <3 Adorei a resenha!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oi Larissa!
    Bem legal a resenha. Gostei das história por fugir um pouco do que tenho visto nos romances de época, quando a mocinha é raptada, embora o romance seja bem clichê.
    Sorte pra Heather!
    Só desanimei um pouco dá leitura, por vc ter dito que as descrições são um pouco cansativas, mas quem sabe?
    Bj

    ResponderExcluir